Confederação Brasileira de Tiro Prático

Notícias

HOMENAGEM DA CBTP - 10 ANOS DO TERREMOTO NO HAITI

Publicado: Segunda, 13 de Janeiro de 2020, 15h:38m | Última Atualização: Segunda, 13 de Janeiro de 2020, 18h:05m
COMUNICAÇÃO CBTP
HOMENAGEM DA CBTP - 10 ANOS DO TERREMOTO NO HAITI
Desde 2004 muitos militares brasileiros ocupavam as terras do Haiti em missão de paz. Uma Missão das Nações Unidas criada para conter os efeitos de uma guerra civil e esteve sobe comando dos brasileiros por 13 anos. Durante este período ocorreu o terremoto que devastou o Haiti.

Um país que já tinha uma infraestrutura frágil se viu diante de uma catástrofe natural, que deixou em torno de 300 mil mortos.

Em um vídeo postado pelo Exercito Brasileiro o sobrevivente Cel. Azevedo narra os acontecimentos daquele fático dia 12 de janeiro de 2010. Em sua narrativa relembra que, das 130 pessoas que se encontravam no prédio da ONU, apenas cinco sobreviveram, e ele foi uma dessas.

O brigadeiro Mozart da Força Aérea Brasileira conta que o avião que levava outros militares para o Haiti, começou a trazer ajuda humanitária e fazia várias viagens por dia.
 
O Cel. Algenor Filho - Policial Militar do estado do Amazonas  e atleta CBTP, atuava como chefe de operações em conjunto e o Major Ricardo Couto da PM de Pernambuco, também estavam no Haiti na Missão das Nações Unidas. 

O Brasil começou a comandar as tarefas de reconstrução, assistência humanitária, distribuição de mais de 3.500 toneladas de mantimentos, procedimentos cirúrgicos e atendimento médico.

E a maior mensagem que o Cel. Azevedo passa é que o povo brasileiro tem que acreditar na sua capacidade. Foi diante da necessidade que ele viu o sentimento de equipe.

A Confederação Brasileira de Tiro Prático (CBTP) agradece e homenageia todos os bravos membros do Exército Brasileiro, não apenas nesse desastre,  mas também no dia a dia dos nossos heróis que dedicam-se inteiramente ao serviço da pátria defendendo-a inclusive com o sacrifício da própria vida. Muito obrigado.

A quem partiu a CBTP deixa a homenagem e agradecimento por tudo que fizeram em vida.
- Cel. Emilio
- Cel. Zamir
- Ten. Cel. Cysneiros
- Maj. Adolfo
- Maj. Guimarães
- Ten. Bruno Mário
- St. Camargos
- Sgt. Davi
- Sgt. De Castro
- Sgt. Rodrigo Souza
- Cb. Dirceu
- Cb. Luiz Souza
- Cb. Pedrotti
- Sd. Anacleto
- Sd. Amaya
- Sd. Felipe Gonçalves
-Sd. Silva
- Sd. Silva Santos
 
Não podemos esquecer do nosso policial militar do Distrito Federal que também estava em missão 1º Tenente Cleiton Neiva, e faleceu no dia do Terremoto que devastou Porto Principe. 


Aos nossos heróis que estão aqui presente nosso muito obrigado por muitas vezes que trocarem suas vidas para salvar a nossa.
 
Confira abaixo a Homenagem do Exército Brasileiro pelos 10 anos do Terremoto no Haiti.